domingo, 13 de abril de 2008

O que você quer ser quando crescer?

Pra começar, obrigado a todos que mandaram oi pra Gica.

Hoje foi o dia do churrascão no clube do Danilo. Coisa fina!
Brincamos de "Esconde-esconde Lata de Sardinha" (que eu ainda acho que deve ter um nome menor), tivemos uma alucinante perseguição que terminou num montinho no aniversariante, eu joguei futebol pakarai (isso foi uma piada)...

Mas se tem uma coisa que merece nota, é o Porco valendo linguíça na coca.
Agora, a explicação.

Porco se trata de um jogo de baralho cujas regras são irrelevantes agora.
O combinado era que, quem perdesse uma rodada, teria que sofrer.

Em conjunto, tivemos a criativa idéia de encher um copo de coca-cola, diluir um naco de gordura e jogar três pedaços de linguíça dentro.
Os três primeiros perdedores comeriam as linguíças, o último beberia a coca com gordura.
Aquilo foi asqueroso, mas muito emocionante... Eu e mais dois conseguimos sair invictos.

Aos interessados, a irmã do Danilo comeu duas linguíças, o Blaze comeu outra e o Marmota foi obrigado a beber a coca.Agora, vamos a parte um pouco mais construtiva do post. O assunto escolhido surgiu de um papo com a Kami e é fácil descobrir qual é. (dica: tá no título)

Até aprender a falar, eu tava pouco me fodendo para o quê eu seria quando crescesse. Quando aprendi, começaram a perguntar toda hora (mais ou menos com a mesma frequência que fazem palestras de sexo e drogas agora). Aí eu tive que escolher, né?


Quis ser paraquedista.

A mágica de saltar de alturas inimagináveis, se manter em queda livre por momentos infinitos e puxar uma corda que separa a vida da morte! Para então descer em velocidade reduzida apreciando o vento e a vista.


Aí me disseram que isso não é um emprego. Eu não fiquei decepcionado, não sou assim tão fraco. Só me conformei com o fato de que um dia, quando eu tivesse dinheiro, ainda faria isso.
Mas esqueci de pensar em algo que desse dinheiro.

Hoje, quando alguém me pergunta o que eu quero da vida (repare que eu já cresci), digo que farei algo em Computação.
Todas as profissões tem algum ponto que eu não gosto.
Aqui vão algumas das que eu já cogitei.





Médico: Não quero trabalhar com gente morrendo. E ser médico sem ver gente morrendo não tem graça.













Advogado: Jogar fora todos os meus princípios e vasculhar cada bug na lei para salvar a vida de qualquer um que venha me pagar. Não.






Militar: Esforço físico, gente grossa dando ordens lazarentas... Guerra, morte. Nem.


















Professor: Foda-se a humildade, eu seria um professor e tanto. Mas não faz meu tipo, por algum motivo eu sei que não me daria bem com essa vida.













Matador de Aluguel: Minha capacidade de manter a calma é respeitável e o pagamento é bom. Mas trabalhar fora da lei é muito arriscado...











Dono de lan-house: Quase perfeito, mas o lucro não vale a pena e a companhia é um tanto fedorenta.






Policial/detetive: Mira considerável, novamente a tal calma... Mas é muita responsabilidade, além do risco de vida elevado.








E por quê eu escolhi trabalhar com computação? Simples, não tem contra nenhum. Eu posso levar o trabalho pra casa, ganho um salário gostoso e não corro riscos. A única chatice é a parte de "trabalhar", mas isso seria inevitável de qualquer jeito.

Claro que a vida seria monótona, mas se o tal salário gostoso realmente se efetivar, eu posso viajar por aí, me divertir a beça e comprar um bendito video-game de última geração. Olha que máximo!


E aí, o que é que tu quer da vida?

11 comentários:

kami disse...

quero fazer tortas, pronto, falei.

mats disse...

Vagabundo reina!
alcoolatra é legal,mas gasta muito dinheiro!

mats disse...

GAMMM!!
faça topicos menores!
ta muito grande le tdo isso!!
divide mais!

Pir4do disse...

Mel na chupeta e wisky na mamadeira! \o\

FGSFDS disse...

Ora, ora... Gam!
Hyablablá, aqui.
Há quanto tempo, meu velho camarada.

Pois zé. Saí do TBoA. Abandonei o velho MSN.
Ninguém do lado de lá que eu queira ver...

Cara, que bom que gostaste de Hitman. Este é, com certeza, um dos melhores jogos que já joguei. E olha que já joguei vários.
Eu voltei a jogar Grim Fandango. Dez anos e ainda é o melhor jogo ever.
E pensando bem... dez anos... Cara, estou ficando velho.

Bem, até mais. Você sabe onde me encontrar... acho.

(o código aqui abaixo para validar a mensagem é "ahpwn". Hehe... Ah, pwned.)

Jean Perigoso disse...

ah sei la ganhando grana tah bom
mas matador de aluguel seria o meu perfil
ah falando nisso se alguem tiver precisando de um serviçinho ai eu nao cobro muito nao
tel pra contato 97315902
merchammmmmmmm

Gam disse...

JKHDJKASDHLJKASHDJKLSAHDJKASHDJKHASD

Artur disse...

Ahh,eu tbm já joguei porco nesse estilo...
Só que o castigo era Coca com fofura,sal,pipoca doce,pimenta,m'ms e alho....


Eu não tive tanta sorte e acabei tendo que pagar. Mas muito loko esse jogo
¬¬

Fanzineiros Psicopatas disse...

Impressão minha ou excluiram meu comentário? ¬¬

Bleh, eu comento de novo ù_u

era algo como "O Marmota não passou mal não?" aí o resto eu nem lembro

Anyway

SPAM SPAM (você não tá online, ué)

http://psico-fans.blogspot.com/
Fanzineiros Psicopatas tem post novo \o/
Dá uma olhada e comenta ;D
Dessa vez fui eu quem postei x]

Liih Poynter disse...

eu vou ser designer :~
do quê exatamente eu não sei ainda
e esse negócio de 'oque vc vai ser quando crescer' enxe o saco.
como se uma criança tivesse que saber oque quer fazer pro resto da vida u_u'
deviam parar de falar isso para elas, isso traumatiza.

GAM, GAM, GAM
eu adoro vc, sabia ? :'D
*momento ternura onde eu expresso o meu amor e admiração pelo gam*

chega, né ? :x
;*

Gam disse...

2Artur:
Eca...

2Wil:
Eu não deletei nenhum comentátio, você é louca. o:
Ninguém passou mal, mas houveram altas caretas =B

2Line:
Também adoro você,obrigado pela presença ;*