domingo, 31 de outubro de 2010

Eu sou você amanhã

Todo mundo tem uma relação com o seu eu do passado. Quando, por exemplo, chega uma amiga sua e te manda uma foto dela semi-nua e diz "Olha como eu era fútil e retardada antigamente. Nossa, que vergonha de mim mesma". Ou quando você vai estudar um fichário antigo e abre ele já desesperançado, pronto pra passar horas procurando a matéria no meio de toda a desorganização, e tem a feliz surpresa de que no passado você acordou de boa vontade e deixou esse fichário com tudo no lugar.

O passado está nos perseguindo em toda a parte. Não podia ser diferente com nós mesmos, que estivemos em vários dos lugares que estamos agora ou voltaremos a estar em breve.

Agora, mudando um pouquinho o parâmetro...
Eu, pessoalmente, prezo muito o meu eu do futuro. Entendo que ele provavelmente será mais sábio que eu e, invariavelmente, mais experiente. Por isso, tento tratá-lo bem. Isso consequentemente acabou melhorando minha relação pessoal com meu eu do passado.
Por exemplo, as vezes eu tenho uma moeda sobrando e escondo ela no fundo do bolso de uma mochila que uso raramente. Assim no futuro terei a feliz surpresa de achar uma moeda.

Agora estava eu aqui com sede pensando em encher de novo o copo vazio em cima da mesa quando, pasme, noto que ele ainda está cheio até a metade. Fiquei muitíssimo feliz com o meu eu do passado, que preveu a situação e economizou um tanto de água pra mim.

Se eu pudesse, apertaria a mão dele.



3 comentários:

Fabricia Marques disse...

Hum... bom texto heein, me fez pensar
;*

Willölsei disse...

Você brisa... Tipo, muito xD

O esquema do dinheiro eu faço 8D mas moeda pequena eu perco, notas grandes sempre lembro onde deixei. Mas funciona com notas de 5, 10 e até 20 reais.

Você é otimista, hein '-' e faz tempo que não posta por aqui xD

Quanto a organização de fichário, eu joguei muito dos cadernos fora. Tenho certeza de que vou me arrepender disso um dia -_-

Mas e aí, estudando pra facul?!

Gam disse...

Eu que briso? Do nada você me chamou de otimista, sem qualquer relação com o que disse antes ou depois. Japonesa maluca!

Mas não. Deveria estar estudando mais. >_>